Cores na arquitetura corporativa e o que elas causam

Cores na arquitetura corporativa e o que elas causam

Arquitetude Arquitetura Corporativa Deixe um Comentário

Ter um ambiente de trabalho bem planejado e agradável é fundamental para manter o nível de produtividade dos colaboradores. Um local desconfortável faz com que as pessoas presentes se sintam incomodadas. Por esse motivo, é sempre muito importante se atentar para a utilização das cores na arquitetura corporativa. Diferentes cores causam inúmeras sensações. Com bastante criatividade, é possível dar uma nova cara ao ambiente e torná-lo bem aconchegante.

Veja características de algumas cores na arquitetura corporativa

Amarelo

O amarelo é sempre lembrado como a cor que representa alegria. O que algumas pessoas não sabem é que ele também caracteriza inteligência. A cor simboliza também a riqueza e o sol. O amarelo é capaz de trazer energia para os ambientes, proporcionando sensações como bom humor, atenção e vigor.

Entretanto, a cor apresenta sua desvantagem por ser muito luminosa. Assim, na hora de usá-la, é importante fazer uma boa dosagem, ainda mais se tratando de ambientes corporativos. Todo esse brilho pode ser equilibrado com a junção de tons mais escuros e neutros.

Entre as cores na arquitetura corporativa, o amarelo é aquele pode despertar a expressividade da equipe. Assim, podem surgir ideias novas e a colaboração será ainda maior.

Cores na arquitetura corporativa e o que elas causam

Preto

É bem verdade que o preto às vezes é esquecido nos ambientes corporativos. Esses locais preferem utilizar tonalidades mais claras e neutras, pois elas facilitam as combinações. Além disso, geram um conforto visual mais favorável.

No entanto, não é preciso se prender a isso e excluir totalmente o preto das cores na arquitetura corporativa. Essa cor, na verdade, é muito flexível e pode combinar com várias outras cores, gerando diferentes designs. O preto representa luxo e sofisticação e isso é ótimo para o conceito de uma empresa.

Apesar disso, é muito importante ter cuidado com o uso excessivo do preto por conta do aquecimento dos ambientes. Além disso, ele também pode causar uma sensação de muita severidade e aprisionamento. Para equilibrar o preto de maneira correta no ambiente, o mais indicado é fazer a contratação de um bom escritório de arquitetura.

Cores na arquitetura corporativa: preto

Fonte: Envato

Vermelho

Não é segredo para ninguém que o vermelho traz a sensação de calor, aconchego. Entre as cores na arquitetura corporativa, ele sobressai pelo seu poder ousado e sedutor. O vermelho representa, ainda, a riqueza, estando diretamente ligado com vestes reais.

Essa cor é sempre lembrada quando se trata de paixão e emoção. Além disso, o vermelho também incentiva a atenção. Mas, lembre-se: nada de exageros! Assim ele pode causar o efeito contrário, tornando o ambiente estressante. Por isso, o vermelho nunca será indicado para ser usado em um ambiente inteiro no mundo corporativo. Somente alguns detalhes nessa cor já fazem toda a diferença.

Cores na arquitetura corporativa e o que elas causam

Cinza

Sabemos que o cinza é muito utilizado na arquitetura corporativa. Isso porque ele é capaz de proporcionar diversas personalidades. É uma cor simples, mas também muito elegante, sóbria e multifuncional. O cinza é bastante usado nesse tipo de ambiente porque representa o profissionalismo e proporciona maior concentração.

Assim como todas as outras cores, com o cinza também é preciso ter cuidado com o uso exagerado. Isso porque, se usado descontroladamente, ele pode passar uma impressão de negatividade e depressão. Ao utilizar o cinza, misture com outros tons e cores na arquitetura corporativa. Dessa forma, evita-se um ambiente sombrio e apático.

Cores na arquitetura corporativa: cinza

Fonte: Arquitetude

Branco

Chegamos a uma das cores mais utilizadas nos mais diversos tipos de ambiente. Mesmo com toda sua flexibilidade, é necessário ter muito cuidado com o branco. Às vezes sua utilização nem é a mais adequada, mas as pessoas acabam usando apenas por ser a mais habitual.

Quando usado corretamente, o branco passa maior impressão de profissionalismo e transparência. Seu maior benefício é a facilidade para combinar com outros tons e cores. Além disso, como muitos sabem, ele também passa a sensação de que o espaço é maior. Entretanto, quando usado de maneira desenfreada, o branco passa frieza e desânimo. Para um ambiente corporativo, isso não é nada vantajoso.

Cores na arquitetura corporativa e o que elas causam

É perceptível como são diferentes as sensações causadas pelas cores na arquitetura corporativa. Para que o planejamento do ambiente seja feito da maneira mais correta, a melhor opção é contratar os serviços de um escritório de arquitetura experiente.

A Arquitetude executa projetos de arquitetura corporativa com o objetivo de otimizar tempo e recurso, sempre atendendo as necessidades dos clientes. Faça um orçamento!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *