Sustentabilidade nos Projetos de Arquitetura Comercial

Sustentabilidade nos projetos de arquitetura comercial

Arquitetude Arquitetura Comercial Deixe um Comentário

A sustentabilidade tem sido a palavra da moda e a palavra de ordem já há algum tempo. E cada vez mais ela vem sendo levada a sério já que as pessoas vêm se conscientizando de sua importância. Consumir produtos de marcas sustentáveis, reciclar, reutilizar, evitar o desperdício, respeitar o meio em que se vive, são apenas algumas ideias embutidas no conceito de sustentabilidade. E se existe um setor em que a sustentabilidade tem extrema relevância é no da arquitetura e construção. A sustentabilidade nos projetos de arquitetura comercial tem tanta importância quanto em projetos de arquitetura corporativa ou arquitetura residencial.

Como aplicar conceitos de sustentabilidade em um projeto de arquitetura comercial

Algumas medidas podem deixar o projeto de arquitetura comercial de seu estabelecimento muito mais verde:

Materiais:

Escolher materiais sustentáveis e matérias-primas certificadas (como no caso do uso da madeira de demolição, por exemplo) tornam uma projeto arquitetônico sustentável. Valorizar matérias-primas locais na construção é outra forma de incluir a sustentabilidade no projeto de arquitetura.

Iluminação:

Aproveitar ao máximo a iluminação natural também torna um projeto de arquitetura sustentável. Posicionar janelas e portas permitindo a entrada da luz natural irá reduzir a necessidade do consumo de energia com luzes. Optar por luzes de LED é outra boa saída, pois elas são muito mais econômicas – além de serem muito aceitas em estabelecimentos comerciais por valorizarem os produtos. E, claro, inserir alguns recursos estratégicos no projeto arquitetônico, como uma claraboia, uso de vidro em partes do revestimento, tudo isso colaborará para que o interior possa ser iluminado naturalmente – há vidros que inibem a absorção excessiva dos raios de sol, evitando que o interior do ambiente esquente demais.

Sustentabilidade nos projetos de arquitetura comercial

Loja da Puma em Nova Iorque utiliza bambu que é renovável, metais reciclados, matérias-primas locais e luzes de LED. Fonte Retail Design Blog

Ventilação:

o mesmo raciocínio da iluminação vale para a ventilação. Aberturas de vãos bem posicionados facilitam a entrada da ventilação natural, diminuindo o uso de ventiladores e aparelhos de ar condicionado.

Sistema de água:

Por que não captar e reaproveitar a água da chuva para abastecer torneiras e bacias dos banheiros? Se na área também houver um jardim, a água da chuva pode ser reutilizada na irrigação das plantas. O reaproveitamento da água da chuva é outro item que torna uma arquitetura sustentável.

Entulho:

Ao invés de simplesmente jogar os restos de materiais da construção no lixo, procure separar os recicláveis e dar um bom destino a eles. Materiais como madeira ou isopor podem ser reciclados e ganharem novos usos. Você pode, por exemplo, deixar os materiais recicláveis que sobrarem da construção com cooperativas que cuidarão do reaproveitamento deles.

Sustentabilidade nos Projetos de Arquitetura Comercial

O Yoghurt, em Berlim, prioriza produtos orgânicos no seus frozen iogurte e a sustentabilidade na arquitetura. A cozinha, por exemplo, faz uso de uma tecnologia de eficiência energética. Fonte Retail Design Blog

Um projeto de arquitetura comercial sustentável não é só uma estratégia de negócios: em primeiro lugar serve para termos uma consciência melhor sobre a responsabilidade socioambiental. A primeira vista o investimento pode ser mais alto, mas ele será retornado em médio prazo com a economia de energia, maior rentabilidade (pelo reconhecimento da marca como ‘green’ pelos consumidores), dentre outros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *