Arquiterura para Lojas

Arquitetura para Lojas

Arquitetude Arquitetura Comercial, Arquitetura Corporativa Leave a Comment

Projetos de arquitetura para lojas vem ganhando força, tornando-se não apenas úteis em termos estéticos, mas muito mais como parte da estratégia de negócios do empresário.

Houve um tempo não muito remoto em que, quando se pensava em um projeto de arquitetura comercial, ele logo era associado a projetos de lojas para redes de franquias. Isso porque se via a necessidade de uma padronização dos pontos de venda que garantisse a identidade da marca e suas estratégias de comunicação e marketing. Contudo, o mercado foi se transformando e os empresários começaram a ver que um bom projeto de arquitetura comercial poderia beneficiar, e muito, seu ponto de venda, mesmo que ele não fizesse parte de uma grande cadeia de lojas. Afinal, é preciso se sobressair frente à concorrência.

Exemplo de projeto de arquiterura para LojasFonte: Retail Design Blog

Checklist da arquitetura para lojas:

Ao iniciar um projeto de arquitetura para lojas é preciso analisar alguns pontos essenciais e considerá-los na futura arquitetura de seu ponto de venda. Montamos esse checklist com os pontos chaves:

1) Localização – será uma loja de rua ou dentro de um shopping? Esse é um fator que influenciará, por exemplo, na segurança da loja, no fluxo de pessoas, na iluminação, na ventilação, itens que precisam ser pensados em arquitetura para lojas. Pode haver maior ou menor necessidade de instalação de equipamentos de segurança, mais ou menos aproveitamento de luz natural, uso ou não de ar condicionado, além de atenção com o fluxo de pessoas, que pode ser muito alto na rua, ou mais tranquilo dentro do shopping.

2) Concorrência – é um segmento muito concorrido, ficará em uma via em que seus concorrentes estão próximos ou mais distantes? Você concorre também com lojas virtuais? Esse item é fundamental no checklist ao pensarmos que o que vale mesmo hoje é a experiência de compra do consumidor. Por isso, um bom projeto de arquitetura para lojas é aquele que irá convidar o cliente a ter uma experiência sensorial em seu ponto de venda.

Arquitetura para Lojas - Projeto Arquitetônico Turma da MelProjeto de Arquitetura Comercial para a loja Turma da Mel do Shopping Nova América, Rio de Janeiro

3) Tecnologia – para se diferenciar dos concorrentes, sejam eles físicos ou virtuais, hoje a arquitetura comercial trabalha lado a lado com a tecnologia para proporcionar essa experiência de compra que o consumidor tanto busca. Realidade aumentada, telas touchscreen, sonorização, até o aroma do ambiente pode ser trabalho em um projeto de arquitetura para lojas. Tudo isso para que seu cliente tenha uma experiência única, e rica, dentro do seu estabelecimento. Assim ele vai querer compartilhar com outros e retornar várias vezes.

4) Público – entender quem é seu público é outro ponto importantíssimo. A arquitetura de uma loja infantil vai ser bem diferente da arquitetura de uma loja voltada para maiores de 60 anos, assim como a arquitetura de uma loja de produtos populares será diversa da arquitetura de uma joalheria.

5) Atendimento – na sua loja os consumidores terão espaço para experimentar os produtos sozinhos ou precisarão de um atendente? Lojas de produtos eletrônicos comumente têm planos largos e é normal que exponham os produtos em balcões deixando o cliente à vontade para manuseá-los. Já uma ótica requer um atendimento exclusivo; o cliente fica mais próximo do atendente. A arquitetura da loja também deve ser pensada sobre esses fatores.

Mais um exemplo de arquitetura para Lojas - Projeto Arquitetônico Óticas SolvangProjeto de Arquitetura Comercial para Óticas Solvang do Américas Shopping, Rio de Janeiro

6) Vitrine – sua loja terá vitrine ou a sua própria loja será uma grande vitrine? Como um plano mais ou menos aberto vai impactar na sua fachada? Esse artigo, e esse, podem te ajudar nessa decisão.

7) Tendências – o mercado dita tendências que você pode optar ou não por segui-las, dependendo de sua estratégia de negócios. A arquitetura para lojas pode seguir o conceito de uma concept store ou pode ser pautada pela sustentabilidade, por exemplo.

Se você passar por esse checklist antes de dar início no projeto de arquitetura da sua loja, certamente as chances de você ficar muito satisfeito com o resultado final serão bem maiores! Se preferir, entre em contato com um escritório de arquitetura especializado em projetos comerciais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *