Loja infantil: como a arquitetura pode ser um diferencial

Loja infantil: como a arquitetura pode ser um diferencial

Arquitetude Arquitetura Comercial Deixe um Comentário

O mercado está cheio de lojas voltadas para o público infantil. As crianças já deixaram de ser meros acompanhantes dos pais há muito tempo e, atualmente, influenciam muito nas escolhas dos adultos mesmo sem se dar conta disso. E, se você tem (ou pretender ter) uma loja infantil, saiba que a arquitetura pode ser um diferencial.

Loja infantil: como a arquitetura pode ser um diferencial

Fonte: Arquitetude.

Antigamente, uma loja infantil deveria agradar mais aos pais do que as crianças, pois eram os adultos que tomavam todas as decisões de compra. Com o tempo, este panorama mudou bastante e, hoje em dia, muitos pais têm dado voz aos filhos e optado por fazer mais suas vontades, inclusive comprando em lojas que agradam mais aos pequenos.

Um estudo recente realizado pelo Facebook constatou que crianças tem influenciado seus pais em escolhas de todos os níveis, desde as mais simples, como optar por um restaurante, até as mais complexas, como a compra de um carro. 59% dos participantes afirmaram que seus filhos tinham mais impacto nas decisões do que eles próprios quando crianças.

É por isso que o comércio vem se adaptando a isso. Muitas marcas para adultos têm criado áreas voltadas para o público infantil ou mesmo passado a produzir alguns produtos para crianças. Ao atrair os pequenos, os lojistas sabem que, consequentemente, os pais tendem a se sentir mais propensos a fazer negócio com a marca.

Então por que uma loja voltada para o público infantil também não se adaptaria para se tornar mais atrativa para esses pequenos compradores, que são sempre exigentes e cheios de opinião? Muitas marcas infantis têm buscado tornar suas lojas ainda mais atrativas para os pequenos. Mudanças na arquitetura, por exemplo, podem parecer simples, mas fazem toda a diferença.

Decoração de loja infantil

Fonte: Arquitetude.

Tornar os produtos mais acessíveis às crianças tem se tornado cada vez mais comum. Se antes eram os pais que pegavam as peças em araras ou prateleiras, hoje são as crianças que desejam escolher. Sendo assim, nada mais natural do que colocar os produtos um pouco mais baixos, tornando fácil para a criança acessá-los.

A escolha de materiais também é de extrema importância, pois não é incomum que os pequenos esbarrem nas coisas ou deixem cair no chão. Escolher, por exemplo, cabides que sejam fáceis para crianças segurarem é uma ótima ideia, assim como materiais que não quebrem com facilidade. Numa loja infantil, a segurança deve ser colocada em primeiro plano.

Para evitar quedas, pisos antiderrapantes são fundamentais. Prateleiras de vidro até podem ser usadas, mas de preferência em locais pouco acessíveis às crianças, como as vitrines. O vidro é um material ótimo para usar na produção de expositores para vitrines, pois permite ao consumidor observar vários ângulos do produto, mas pode não ser a melhor opção para dentro da loja.

A escolha de cores alegres e vibrantes também ajuda a chamar a atenção das crianças. Elas estão muito acostumadas com esses tons. Além disso, uma loja colorida e elegante chama muito mais atenção do que outra sem atrativos visuais. Os produtos da marca devem ser utilizados para decorar o espaço, juntamente com outras peças complementares.

Loja infantil

Fonte: Arquitetude.

Vale lembrar que todo item decorativo deve ser usado de forma pensada e com cuidado. Muitas lojas que utilizam personagens para chamar a atenção das crianças conseguem realmente atrair esse público, mas da forma errada, pois elas acabam demonstrando mais interesse na decoração do espaço do que nos produtos expostos.

Também é importante que a arquitetura da loja desperte a curiosidade e a vontade de explorar dos pequenos. Ter cenários que remetam ao universo infantil, tanto nas vitrines como dentro da loja, tende a ser um diferencial cativante para as crianças, pois elas conseguem se identificar com a marca de forma inconsciente.

A arquitetura de uma loja infantil pode ser um diferencial importante para marcas voltadas para este público. Por isso, ter um projeto comercial personalizado, desenvolvido por uma equipe experiente, pode realmente destacar sua loja, aproximar sua marca do público desejado e ainda melhorar as vendas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *